Cartão de Saúde Social das Misericórdias reforça cobertura no norte do país

11/10/2018
O Cartão de Saúde Social foi apresentado oficialmente na região norte do país na sede da Santa Casa da Misericórdia do Porto, hoje, dia 11 de outubro, com as presenças do seu Provedor, António Tavares, do Presidente da União das Misericórdias, Manuel de Lemos, e do Presidente da SABSEG Seguros, Miguel Machado.

O contínuo crescimento da rede médica disponível para os beneficiários do Cartão de Saúde Social da União das Misericórdias Portuguesas tem sido sempre uma prioridade. A rede de cuidados de saúde disponível tem entidades de reconhecido mérito na área da saúde como a Misericórdia do Porto, através do Hospital da Prelada e do Centro Hospitalar Conde Ferreira, que são duas das principais unidades de saúde da região do grande Porto a prestar cuidados na área hospitalar.

O Cartão de Saúde Social da União das Misericórdias Portuguesas é um instrumento para servir as pessoas, no quadro da sua missão no setor da Economia Social e Solidária e foi lançado no final de 2016. Com planos a partir de 3,10 euros, os beneficiários obtêm acesso aos serviços de saúde das Misericórdias aderentes, para além dos prestadores da rede social UMP/AdvanceCare e de descontos noutros prestadores aderentes (como por exemplo óticas) e farmácias.

Preços reduzidos no acesso aos serviços de saúde da rede privada e limites de idade alargados para incluir os beneficiários mais idosos, são algumas das vantagens deste cartão, que oferece acesso privilegiado a uma vasta rede médica a preços convencionados em consultas e exames, bem como assistência médica permanente e de urgência.

O Presidente da UMP, Manuel de Lemos, sublinha a importância do projeto, referindo que “o apoio à população mais carenciada e, principalmente, à faixa etária mais idosa, é uma das prioridades da União das Misericórdias Portuguesas, que tem nesta ferramenta uma forma de participar ativamente no plano social e colaborar com o Estado na esfera dos serviços de saúde”.

António Tavares, Provedor da Misericórdia do Porto, afirma que “o reforço do cartão de saúde vem salientar o papel da economia social no acesso das pessoas, sobretudo as mais carenciadas, a cuidados de saúde de qualidade”.

Para Miguel Machado, Presidente da Sabseg Seguros “a ampliação da oferta de cuidados ao dispor dos beneficiários é mais um instrumento no apoio à população. O cartão das Misericórdias é um produto barato que permite aumentar a capacidade das pessoas chegarem aos cuidados de que necessitam”.

Vantagens acrescidas para idosos e população com menores rendimentos

O cartão tem duas modalidades: Cartão Social e Cartão Social +. A primeira permite o acesso mais rápido e económico a consultas, exames apoio domiciliário e cirurgias; a segunda, com uma mensalidade um pouco mais elevada, abrange todos os serviços referidos mais uma cobertura de internamento hospitalar e um subsidio diário em caso de internamento. O primeiro cartão não tem limite de idade de adesão nem de permanência; o segundo é direcionado a pessoas até aos 70 anos e tem uma idade limite permanência até aos 85 anos.

Com a subscrição do cartão, uma consulta de especialidade custará, em média, ao beneficiário apenas 27,50 euros e terá acesso, inclusive, a cuidados de medicina dentária.

Quando a rede das Misericórdias não tem capacidade para responder às necessidades de determinado utente, existem outros prestadores na Rede Social UMP/AdvanceCare, o que faz com que este possa usufruir dos serviços de cerca de 400 hospitais e clínicas em todo o país.

Para além de poder ser subscrito individualmente, o cartão UMP permite ainda a adesão em grupo, seja através de empresas ou outras entidades, como associações, por exemplo. O Cartão UMP criou ainda importantes parcerias com empresas e instituições como a Liga Bombeiros Portugueses, Ordem dos Engenheiros e Sporting Clube de Braga.

Para aderir ao Cartão SOCIAL e SOCIAL+ deverá aceder a www.cartaosocialump.pt, enviar email para cartaosaude@ump.pt ou ligar para 707 100 222.